• Vacina da Febre Amarela Fortaleza 2020 – Datas, Locais e Quem deve tomar

    A vacina da febre amarela Fortaleza 2020 deve ser tomada por todos aqueles que desejam se imunizar contra a doença ou que viajarão para locais em que há maior incidência dessa enfermidade. Inclusive, em alguns países o certificado de vacinação é obrigatório.

    Mas, afinal, como tomar a vacina da febre amarela? Aqui, damos todas as informações sobre como funcionará o processo em Fortaleza. Confira e aproveite para se imunizar!

    Como funciona a vacina da febre amarela Fortaleza 2020?

    A vacina da febre amarela é composta por vírus vivos da doença, porém de forma atenuada, somente para estimular que o corpo crie anticorpos / defesas naturais contra a enfermidade.

    Quando a vacina é administrada, ela precisa de um período para que faça efeito (cerca de 10 dias). Depois disso, a proteção contra febre amarela é de 95% a 99%, ou seja, extremamente alta.

    Essa vacina é oferecida gratuitamente pelo Ministério da Saúde em parceria com o governo de Fortaleza. Portanto, é possível tomá-la de graça em um dos postos de saúde e vacinação da região.

    É importante salientar que, se preferir, a vacina da febre amarela Fortaleza 2020 também pode ser tomada na rede particular, em hospitais e clínicas que disponibilizam a aplicação, porém será preciso pagar pela imunização.

    Grupo de prioridade

    O grupo de prioridade é aquele composto por pessoas com maior risco de contração da doença ou de complicações sérias caso seja vítima da febre amarela. Neste grupo estão os seguintes perfis:

    • Pessoas que vivem em área de risco de transmissão de febre amarela;
    • Viajantes que visitarão áreas de risco;
    • Bebês a partir de 9 meses;
    • Adultos com até 59 anos.

    Quem não deve tomar a vacina da febre amarela Fortaleza 2020?

    Existem alguns casos específicos nos quais a vacina da febre amarela não é indicada. A seguir, apresentamos quais são eles. Veja se seu perfil se encaixa numa das contraindicações:

    • Pessoas alérgicas à proteína de ovo;
    • Quem possui imunodeficiência grave, como HIV;
    • Pessoas com disfunção na glândula timo;
    • Aqueles que fazem quimioterapia, radioterapia ou tomam corticoides em doses altas;
    • Pacientes em tratamento com medicamentos antimetabólicos ou modificadores do curso da doença;
    • Transplantados.

    Quem pode ser liberado a tomar a vacina de febre amarela?

    Há, ainda, um grupo de pessoas que pode ser liberado a tomar a vacina contra a febre amarela Fortaleza 2020, caso exista uma epidemia. Essa liberação é feita para diminuir a possibilidade de propagação da doença. Entram nesse grupo os seguintes perfis:

    • Bebês a partir de 6 meses de idade;
    • Gestantes;
    • Mulheres em período de amamentação (devem suspender o aleitamento por 10 dias);
    • Pessoas diagnosticadas com HIV assintomático e contagem de LT-CD4+<200 células/mm3.

    Requisitos básicos para vacinação

    • Não estar no grupo de contraindicação;
    • Apresentar documentos pessoais;
    • Apresentar a carteira de vacinação para atualização do documento;
    • Não estar em processo febril.

    Documentos para levar no dia da vacinação

    Recomenda-se apresentar documentos pessoais no dia de tomar a vacina da Febre Amarela Fortaleza 2020. Abaixo, veja quais documentos são solicitados:

    • Documento de identificação (RG ou certidão de nascimento);
    • Carteira de vacinação (caso já tenha uma).

    Datas e locais para tomar a vacina da febre amarela Fortaleza 2020

    No que se refere às datas para imunização, a vacina da febre amarela é aplicada durante todo o ano de 2020, sem se restringir a um período específico ou campanhas.

    Sobre os locais, é possível tomar a vacina gratuitamente em postos de saúde e de imunização da rede pública. Também existe a alternativa de tomá-la em hospitais, clínicas e laboratórios da rede particular, no entanto será preciso pagar pela vacina e aplicação.

    Efeitos colaterais

    A vacina da febre amarela pode provocar alguns efeitos colaterais, mas não é em todo mundo. A incidência dessas reações varia de pessoa para pessoa, pode ser que uma tenha e outra não. Estão entre os principais sintomas provocados pela vacina:

    • Febre;
    • Dor muscular;
    • Fadiga;
    • Dor de cabeça;
    • Dor no local da aplicação;
    • Dor abdominal.

    É importante ressaltar que esses sintomas são leves e podem aparecer após 5 dias da data da imunização. Não é necessário procurar um médico, porque essas reações desaparecem em poucos dias. Só consulte um profissional se estiver com dor abdominal forte.

  • Vacinas para bebês – Quais são, Quando tomar, Reações e Muito mais!

    Quando os bebês nascem eles têm o sistema imunológico muito imaturo e acabam mais expostos as doenças e vírus ao seu redor. Por isso aquele famoso ditado: “Melhor prevenir do que remediar”, é de grande valia nessa situação. Sendo assim, é recomendado que os bebês vacinem-se desde o nascimento. Há um cronograma de vacinas feito […]

    VEJA +
  • Vacina da Influenza Brasília 2020 – Datas, Locais e Documentação

    Anualmente, vemos campanhas para a vacinação contra a Influenza, uma variação de nome para a vacina contra a gripe. Essa imunização é capaz de proteger as pessoas contra os vírus Influenza A (H1N1 e H3N2) e B. Apesar de ser, muitas vezes, uma doença considerada inofensiva, a gripe pode ser grave e levar o paciente […]

    VEJA +
  • Vacina da Influenza Rio de Janeiro 2020 – Datas, Locais e Documentação

    Febre alta e tosse são sintomas comum de uma gripe, mas se apresentar outros sintomas como dores de cabeça, no corpo, garganta inflamada, cansaço, falta de ar, vômitos e diarreia, deve ser observado, pois esses sintomas são da gripe Influenza. A Influenza é uma doença transmitida por um vírus da mesma família da gripe. Esse […]

    VEJA +
  • Vacina dTpa 2020 – Como funciona? Quem deve tomar? Quando tomar?

    A vacinação evita uma série de doenças comuns em todo o mundo e também já conseguiu extinguir alguns desses problemas do planeta. O ditado popular “melhor prevenir do que remediar” faz sentido quando o assunto é se imunizar e fazer com que um problema de saúde pública fique apenas na história. Poliomelite, rubéola, coqueluche e […]

    VEJA +
  • Vacina da Febre Amarela Salvador 2020 – Quem deve tomar? Datas e Locais

    A febre amarela é uma doença causada por um vírus. A infecção acontece através da picada de mosquitos vetores, ou seja, que são portadores do vírus. Essa é a única forma de contágio da doença, pois ela não acontece de pessoa para pessoa. Por ser uma doença com grande potencial de epidemia e por causar […]

    VEJA +
  • Vacina HPV 2 2020 – Como Tomar, Quando e Efeitos Colaterais

    A vacinação é a melhor forma de se manter protegida contra diversas doenças e evitar complicações. A vacina contra o HPV protege as pessoas de uma Infecção Sexualente Transmissível (IST) provocada pelo vírus Papilomavírus Humano, transmitido através do contato pelas mucosas da região oral, genital e anal. Quando infectados, os pacientes podem ter verrugas nas […]

    VEJA +
  • Vacina DT 2020 (Dupla Infantil e Adulto) – Como funciona e quando tomar

    A melhor forma de se manter protegido contra doenças é buscando a prevenção. A vacina é uma forma de se fazer isso e é por isso que existe um Calendário Nacional. Nele, existem duas variações de vacinas que podem oferecer proteção contra doenças como difteria e tétano, a vacina DT é uma delas. Essa vacina […]

    VEJA +
  • Vacina da gripe Belém 2020 – Como e Quando tomar

    A gripe é uma das doenças mais famosas do mundo, tanto pelas suas infecções, quanto pela facilidade de passar para outras pessoas que estão ao redor. Causada pelo vírus Influenza, os pacientes tem febre, dor no corpo e tosse seca aproximadamente quatro dias depois do contato com o transmissor. No Brasil, o Sistema Único de […]

    VEJA +
  • Calendário de Vacinação Porto Alegre 2020 → Como tomar, Quem pode e Documentos.

    As vacinas servem para prevenção de doenças que, antigamente, geravam uma quantidade enorme de vítimas e hoje em dia, estão praticamente erradicadas graças ao surgimento das vacinas. O Calendário Nacional de Vacinação em Porto Alegre contempla não só as crianças, mas também adolescentes, adultos, idosos, gestantes e povos indígenas. Ao todo, são disponibilizadas 19 vacinas para mais de 20 doenças, cuja […]

    VEJA +
WebGo Content