Vacina da gripe Porto Alegre 2020 → Como tomar, Quem pode e Documentos

A gripe é uma doença infecciosa e que precisa ser tratada corretamente, caso contrário pode causar grandes complicações. A vacina da gripe Porto Alegre 2020 é oferecida aos grupos prioritários gratuitamente pelo Ministério da Saúde. O intuito é imunizar grande parte da população brasileira, diminuindo a incidência dos casos de gripe.

Os sintomas mais comuns da gripe envolve febre, nariz escorrendo ou trancado, tosse, dores de garganta, mal estar, dores pelo corpo e sensação de cansaço. Contudo, esses sintomas também podem ser de outra doença como a dengue, portanto é importante estar atento e procurar auxílio médico se os sintomas não melhorarem.

Como funciona a vacina da gripe?

A vacina da gripe possui cerca de 60 a 70% de eficácia, ou seja, na maior parte dos casos ela deixa a pessoa protegida. Há casos onde a pessoa diz que tomou e mesmo assim gripou, nestes casos o que acontece é que ela não estava imune àquele vírus.

Apesar disso, a vacina é muito importante, já que garante proteção contra os vírus mais comuns. Anualmente, as entidades internacionais e nacionais procuram otimizar a vacina para abrangem ainda mais tipos e subtipos de vírus.

A vacina da gripe Porto Alegre será oferecida gratuitamente para as pessoas que fazem parte do grupo prioritário. Essa vacina é a trivalente, que protege contra 3 tipos de influenza: H1N1, H3N2 e do tipo B Victoria. Há ainda outra vacina disponível no particular que além desses três tipos incluí o tipo B Yamagata, que é a vacina quadrivalente.

Vacina da Gripe em Porto Alegre

Quem pode tomar a vacina da gripe: Grupos Prioritários

Para tomar a vacina da gripe gratuitamente, é necessário fazer parte do grupo prioritário.

  • Idosos com mais de 60 anos;
  • Crianças entre 6 meses até 6 anos incompletos;
  • Grávidas;
  • Puérperas (mulheres que tiveram filhos nos últimos 45 dias);
  • Indígenas;
  • Detentos;
  • Funcionários do sistema prisional;
  • Jovens entre 12 e 21 anos sob medidas socioeducativos;
  • Professores (instituições públicas e privadas);
  • Trabalhadores da área de saúde.

Há ainda outro grupo: pessoas que possuam doenças crônicas ou outras condições clínicas. Como por exemplo, que possuam doenças respiratórias crônicas, doenças cardíacas, doenças neurológicas, doenças hepáticas, diabetes, obesos, imunossupressão, trissomias e pacientes que passaram por qualquer tipo de transplante.

Quem tem alguma doença crônica deve se dirigir até o local onde já estão cadastrados no controle de doenças crônicas do SUS. Dessa forma, não será necessário ter a prescrição médica.

Veja como tomar a vacina da gripe em outras cidades:

Quais são os locais e datas de vacinação 2020?

A data da campanha de vacina da gripe 2020 ainda não foi divulgado. Contudo, geralmente acontece entre os meses de abril e maio. Após esse período, se houver vacinas sobrando, essas são destinadas ao restante da população. Dentro desse tempo, é realizado campanhas especiais aos sábados, cada posto de saúde em uma data específica.

O local de vacinação é nos postinhos do SUS ou UPAs, dentro do horário de funcionamento, de segunda à sexta. A campanha do sábado é informada com antecedência à população.

Para se vacinar, basta levar a carteira de vacinação e algum documento que comprove sua condição no grupo prioritário:

  • Certidão de nascimento da criança;
  • Identidade com foto;
  • Crachá ou contracheque que comprove o local de trabalho (professores, funcionários da saúde e do sistema prisional);
  • Prescrição médica (quem tem problemas crônicos).

Quem não faz parte do grupo prioritário pode tomar a vacina da gripe?

O grupo prioritário recebe a vacina gratuitamente, distribuída anualmente pelo Ministério da Saúde. As pessoas que não fazem parte do grupo de prioridades, mas desejam tomar a vacina devem tomá-la em clínicas particulares. O valor da vacina da gripe custa em média de R$ 100,00 a R$ 200,00.

Contraindicações da vacina da gripe

A vacina da gripe Porto Alegre 2020 é contraindicada para quem teve algum tipo de reação ao tomar doses anteriores. Pessoas que possuem alergia a ovo de galinha e seus derivados também não devem tomá-la.

Bebês entre 0 e 6 meses não devem tomar. Recomenda-se estar saudável para tomar a vacina da gripe, sem apresentar qualquer sintoma da doença. Pois, se estiver doente e ter alguma reação, você não saberá se é da vacina ou outro problema.

Crianças que vão tomar a vacina da gripe 2020 pela primeira vez, saiba que é dividida em 2 doses, sendo a segunda 30 dias após a primeira.

Rafaela Trevisan Cortes

Rafaela Trevisan Cortes, jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). Revoltada por natureza, vê na comunicação uma oportunidade de extravasar a sua paixão por curiosidades, arte e conhecimento.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content